Sintam-nas...

segunda-feira, março 17, 2008

Ana Paula Ribeiro Tavares - O meu amado...



O meu amado chega e enquanto despe as sandálias de couro
marca com o seu perfume as fronteiras do meu quarto.
Solta a mão e cria barcos sem rumo no meu corpo. Planta árvores
de seiva e folhas. Dorme sobre o cansaço embalado pelo momento
breve da esperança.
Traz-me laranjas. Divide comigo os intervalos da vida.
Depois parte.

Deixa perdidas como um sonho as belas sandálias de couro.




Ana Paula Ribeiro tavares (Poeta angolana, 1952- )

1 comentário:

Câmera Digital disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Câmera Digital, I hope you enjoy. The address is http://camera-fotografica-digital.blogspot.com. A hug.